Buscar
  • Alvor FM

THE BLACK KEYS lançam "El Camino (10TH Anniversary Deluxe Edition)'' a 5 de novembro


Por ocasião do décimo aniversário do seu marcante sétimo disco de estúdio, El Camino, os The Black Keys vão lançar uma edição especial do álbum pela Nonesuch Records, em 5 de novembro de 2021. El Camino (10th Anniversary Deluxe Edition) estará disponível em vários formatos, incluindo uma edição Super Deluxe de cinco LPs ou quatro CDs que inclui uma versão remasterizada do álbum original, uma gravação inédita Live in Portland, uma sessão BBC Radio 1 Zane Lowe de 2012, uma sessão Electro-Vox de 2011, um álbum fotográfico, um poster, uma litografia e um ambientador para automóvel. Também estará disponível uma edição de 3 LPs, que inclui o álbum remasterizado e a gravação ao vivo em Portland. A versão Super Deluxe também estará disponível em formato digital.


El Camino foi produzido por Danger Mouse e The Black Keys, e foi gravado em Nashville, na primavera de 2011. Os The Black Keys conquistaram três prémios no 55.º GRAMMY Awards por El Camino: Melhor Atuação Rock, Melhor Canção Rock e Melhor Álbum Rock. No Reino Unido, a banda foi nomeada para um BRIT Award (Melhor Grupo Internacional) e para um NME Award (Melhor Banda Internacional).

El Camino foi Dupla Platina nos EUA, Platina no RU, Bélgica, França, Irlanda e Holanda, Tripla Platina na Austrália e na Nova Zelândia, Quádrupla Platina no Canadá e Ouro na Áustria, Dinamarca, Finlândia, Itália, México, Noruega, Espanha e Suíça. Dos singles do álbum, "Lonely Boy" foi Dupla Platina nos EUA, Tripla Platina na Austrália, Platina na Nova Zelândia e Ouro na Dinamatrca e n RU. "Gold on the Ceiling" foi Platina nos Estados Unidos, Austrália e Canadá. "Little Black Submarines" foi Platina nos Estados Unidos. Os Black Keys também foram nomeados para um MTV European Music Award em 2012.

A Rolling Stone, que colocou a banda na capa por altura do lançamento do álbum, saudou El Camino por "devolver potência ao léxico do pop" e designou-o como "o melhor pop dos Key até agora, aumentando explosões de som com coros sexys e charme dos anos 70". Segundo o Guardian, "Soam a uma banda que acredita que criou o melhor álbum de rock'n'roll do ano, provavelmente porque foi isso mesmo que fizeram".

Nas notas redigidas para o livreto de El Camino (10th Anniversary Deluxe Edition), David Fricke escreveu:

A história do sétimo álbum dos Black Keys, que tem o nome de um automóvel completamente fora de moda e que não surge nas ilustrações, começou no meio de um nevão. No dia 9 de janeiro de 2011, à tarde, o vocalista e guitarrista Dan Auerbach e o baterista Patrick Carney estavam no passeio à porta do Hotel Bowery Hotel, em Nova Iorque, viram o tempo a piorar, olharam um para o outro e chegaram à mesma conclusão: tinham de parar com as digressões.

Na noite anterior o duo tinha tido outra de muitas estreias: os Black Keys tinham atuado no Saturday Night Live, interpretando "Howlin' for You" e "Tighten Up," os singles principais do seu mais recente álbum, Brothers. Dois dias antes, Brothers - lançado em maio de 2010 e que foi Top 5 - tornou-se o seu primeiro disco de ouro, ultrapassando o meio milhão de álbuns vendidos graças à rádio e a quase um ano de concertos que entrou por 2011, incluindo uma atuação de prestígio em Coachella e digressões na Europa e na Austrália.

Segundo Karney, os Keys tentaram "acalmar" depois de cancelarem a digressão, mas foi coisa de curta duração. "Eu disse, 'Devíamos fazer mais um disco,' e perguntei ao Dan se devíamos contratar o Danger Mouse" - o produtor de hip-hop e rock moderno, cujo nome verdadeiro é Brian Burton, que colaborou em Attack and Release, lançado pelos Keys em 2008, e co-produziu "Tighten Up." Auerbach and Carney não tinham canções novas mas, segundo o baterista, "Na maior parte dos nossos discos, não tínhamos material quando começámos, e Brothers também foi criado no estúdio".

Warner | Foto:D.R.