top of page
Buscar

Pink Floyd lançam edições comemorativas do 50.º aniversário de ''The Dark Side Of The Moon''


A Warner Music anuncia hoje o lançamento de uma edição limitada de 'The Dark Side Of The Moon' numa caixa deluxe comemorativa do 50º aniversário de um dos álbuns mais vendidos de sempre. O álbum foi remasterizado e a caixa será lançada em 24 de março de 2023.


'The Dark Side Of The Moon', um dos álbuns mais icónicos e influentes da última metade do século XX, continua a conquistar novos públicos. O álbum foi parcialmente desenvolvido durante concertos ao vivo e a banda estreou a sua primeira versão no Rainbow Theatre, em Londres, meses antes do início das gravações. 'The Dark Side Of The Moon' é o oitavo álbum de estúdio dos Pink Floyd e foi lançado a 1 e 16 de março de 1973, respectivamente nos EUA e Europa. O novo material foi gravado em 1972 e 1973, nos EMI Studios (hoje Abbey Road studios), em Londres. A sua capa icónica, que mostra um raio de luz a atravessar um prisma, o que provoca a separação dessa luz num espectro de cores, foi concebida por Storm Thorgerson da Hipgnosis e desenhada por George Hardie. 'The Dark Side Of The Moon' vendeu mais de 50 milhões de cópias em todo o mundo.

Portugal não é alheio a esse sucesso global sendo que 'The Dark Side Of The Moon' atingiu no início de 2023 o fantástico registo de 5 anos presente na tabela de vendas de álbuns elaborada pela Associação Fonográfica Portuguesa.

A nova Deluxe Edition inclui o álbum original em diferentes formatos. Um CD e um LP de 180g com o áudio original remasterizado em 2023, um DVD com misturas estéreo remasterizada em 5.1 surround, um Blu-ray com as misturas estéreo remasterizadas 5.1 surround e alta resolução e, também, um Blu-ray com misturas estéreo Atmos e em alta resolução remasterizadas. Em termos de áudio esta caixa inclui, ainda, o álbum 'The Dark Side Of The Moon - Live At Wembley Empire Pool, London, 1974' nos formatos CD e LP de 180g e dois singles de 7'': 'Money/Any Colour You Like" e "Us and Them/Time'.

Como complemento, esta caixa inclui o songbook do álbum original com 76 páginas, o livro 'Pink Floyd - The Dark Side Of The Moon: 50th Anniversary', com 160 páginas e as dimensões de um LP, que apresenta fotos raras e inéditas tiradas durante as digressões de The Dark Side Of The Moon de 1972-1975, e diversas peças de memorabilia.

No mesmo dia em que é editada a Deluxe Editon, o álbum 'The Dark Side Of The Moon - Live At Wembley Empire Pool, London, 1974' é editado em CD, e, pela primeira vez, em LP de 180g. O álbum foi gravado em novembro de 1974, no âmbito da digressão de inverno dos Pink Floyd, e será disponibilizado pela primeira vez como um álbum autónomo, com ilustrações da capa original de 1973 da autoria de George Hardie.

O livro 'Pink Floyd - The Dark Side Of The Moon: 50th Anniversary' será também editado separadamente pela livreira Thames & Hudson, em 24 de março de 2023, para coincidir com o lançamento da caixa e estará disponível apenas em livrarias. O livro, elaborado pela fotógrafa Jill Furmanovsky e com grafismo a cuidado de Aubrey Powell, co-fundador da Hipgnosis, contou com a participação dos membros da banda

No âmbito das comemorações do 50.º Aniversário, os Pink Floyd convidaram uma nova geração de realizadores de animação a participarem numa competição para a criação de vídeos de música para as 10 canções do álbum icónico de 1973. Os Pink Floyd têm uma história rica de colaboração com realizadores de animação desde a formação da banda (Ian Emes, Gerald Scarfe, etc.), e em alguns casos, o material visual que acompanha as canções tornou-se sinónimo da própria música. O 50.º Aniversário não vai ser uma exceção. A banda pretende oferecer aos realizadores a oportunidade de apresentarem novas perspetivas sobre estas obras musicais intemporais. Cada realizador poderá concorrer com até 10 vídeos, um por canção do álbum. Os vencedores serão escolhidos por um painel de especialistas composto por Nick Mason (Pink Floyd), Aubrey 'Po' Powell (diretor criativo dos Pink Floyd) e por um representante do BFI (British Film Institute). O prazo para a entrega dos materiais termina em 30 de novembro de 2023.

No dia 27 de fevereiro de 1973, a EMI Records realizou uma conferência de imprensa para a apresentação do novo álbum dos Pink Floyd, 'The Dark Side Of The Moon', no Planetário de Londres. A cúpula do Planetário limitou-se a mostrar estrelas, constelações e imagens do cosmos ao som da música, mas foi um êxito enorme. Passados cinquenta anos, numa homenagem ao álbum e com a ajuda dos avanços enormes na tecnologia, um espetáculo com a música 'The Dark Side Of The Moon' e imagens espantosas do sistema solar e não só, será estreada em março em planetários por todo o mundo.

O espetáculo está dividido pelas 10 faixas do álbum, por ordem cronológica e cada uma com um tema diferente: algumas olham para o futuro e outros para a história visual dos Pink Floyd, mas todas estão relacionadas com o tempo e o espaço com a tecnologia que só um planetário pode oferecer. A experiência promete ser imersiva, um envolvimento sonoro e visual total que transcenderá a realidade e nos levará para além da bidimensionalidade.


Warner


Comments


bottom of page