top of page
Buscar
  • Foto do escritorAlvor FM

Holly Humberstone lança ''Superbloodmoon'' feat. d4vd


Das suas notas pessoais do iPhone: "Superbloodmoon in the sky, you can see it from where you are?", Holly Humberstone acaba de lançar "Superbloodmoon" com d4vd, a terceira canção retirada do seu aguardado álbum de estreia "Paint My Bedroom Black", que será lançado a 13 de outubro de 2023. Uma Superlua de Sangue é quando a lua da Terra está num eclipse lunar total e o céu fica vermelho, e Holly adorou a ideia de como este fenómeno é raro. A cantora conheceu o muito popular cantor/compositor norte-americano d4vd em Londres, no estúdio do colaborador de longa data Rob Milton, e ambos escreveram a canção em poucas horas, imaginando duas pessoas a olhar para o raro eclipse lunar de lados opostos do mundo. Inspirada pelo seu contexto e de como isso afeta a sua personalidade e identidade, desde o tema sobre a casa dos pais "Haunted House" até às vivências em apartamentos em Londres descritas no tema "The Walls Are Way To Thin", "Superbloodmoon" reflete a paisagem que rodeia Holly, a viajar pelo mundo, em digressão, e a tentar encontrar uma âncora e entes queridos desaparecidos.

Este ano a artista esteve em Portugal no âmbito desta digressão, tendo dado um concerto incrível na 10.ª edição do Primavera Sound Porto.

"Holly e eu conhecemo-nos em Londres e escrevemos esta canção em poucas horas. Foi realmente fácil e especial. Ambos amámos a ideia de uma Superlua de Sangue e duas pessoas a testemunharem a mesma coisa, não importa onde estejam no mundo. Também tocámos juntos no meu concerto em Londres há uns meses, sendo que essa foi a primeira vez que colaborei com alguém em palco e foi muito divertido. Sinto-me muito grato a Holly por me ter nesta canção." - d4vd

"Há um ano que sou uma grande fã do trabalho de d4vd e tive a sorte de apanhá-lo quando ele esteve em Londres. Entrámos no estúdio e escrevemos 'Superbloodmoon'. Surgiu muito naturalmente, já que estávamos em digressão pelo que parecia uma eternidade e queríamos escrever sobre os sentimentos que surgem ao deixarmos a nossa casa e as pessoas que amamos para trás. Tinha o título da canção nas minhas notas, e surgiu a partir daí. Escrevemos sobre testemunharmos a mesma coisa de lados opostos do mundo e sentirmo-nos sozinhos, mas, simultaneamente, ligados através dessa experiência. Adoro esta canção e estou muito grata ao d4vd por trazê-la à vida comigo." - Holly Humberstone


Universal Music | Foto:D.R.


Comments


bottom of page