Buscar
  • Alvor FM

Giulia Be traz a relação do amor e do tempo no seu novo single ''Desficava''


A relação entre o amor e o tempo parece relativa, mas, se pararmos para pensar, são dois pontos em que não podemos voltar atrás, mesmo isso sendo muitas vezes um desejo. Ao recorrer à língua portuguesa, as palavras com o prefixo "des" representam essa vontade de alterar algo presente, ao exprimir a ideia de uma ação contrária.

E é com essa premissa que GIULIA BE chega agora a todas as plataformas digitais, com o seu novo single "desficava". Numa atmosfera solar, a faixa expressa essa sensação de querer criar uma máquina do tempo para se desfazer de um amor que já não faz mais bem.

"Desficava", "desbeijava" e "destirava" são ações e sentimentos que ganharam uma denominação no jogo de palavras criado pela cantora na composição. Quem nunca quis voltar ao passado para "desficar" com alguém?

"A nossa forma de nos relacionar com o tempo pode ser medida de diferentes formas, até mesmo pelas palavras que usamos. 'desficava' vem dessa sensação de querer voltar no tempo e reescrever o passado, alterando uma linha do tempo em que você não teria cometido os mesmos erros ou atitudes. Acredito que esse é um sentimento que muitas pessoas vão se relacionar. Porque de máquina do tempo hoje, só nos basta as memórias do passado, ou os sonhos do futuro", comenta GIULIA.

Já na produção, que contou com Paul Ralphes, a faixa é guiada inicialmente pela guitarra numa melodia que conversa com a letra de forma sincera e leve. Uma curiosidade é que, no estúdio, a música foi finalizada com um take único, que GIULIA gravou originalmente achando que seria apenas para uma demo, mas acabou gostando.

"Alguns anos atrás, eu gravaria centenas de takes, mas uma das sabedorias que aprendi com meus anos nessa indústria, é justamente entender que insistir na perfeição às vezes significa abrir mão de algo que estava naturalmente mágico. Sabíamos que a sinceridade e leveza no take seria irreplicável, pois eu realmente havia gravado sem nenhuma preocupação nas costas, e com muita sinceridade no gogó", explica a cantora. "Assim, sem a necessidade de uma máquina do tempo para refazer ou desfazer as versões", brinca.

Já o lyric video, coroa a sequência de conteúdos divulgados nas redes sociais de GIULIA BE. Em cada um dos quatro vídeos que anteciparam o lançamento da faixa - intitulados com trechos que formam o refrão da letra - as imagens exclusivas trazem declamações de textos escritos pela artista em parceria com Matheus Rocha que se relacionam com a temática da música, sobre a relação do tempo e o amor.

Este ano, após o lançamento dos singles "2 PALABRAS", em espanhol, e "FBI", em português, GIULIA BE voltou-se para o estúdio, passando meses produzindo e dedicada a projetos. "desficava" marca o seu regresso, que dá o pontapé de saída a uma sequência de novidades em vista.

Prestes a estrear como atriz no filme "Depois do Universo" ("Beyond the Universe"), da Netflix, no qual atuou como protagonista, GIULIA dobrou-se a si mesma em inglês para a versão que também estará disponível globalmente na plataforma. Unindo ao seu lado musical, a artista ainda produziu duas músicas - em português e em inglês - para a banda sonora da longa-metragem, que chega no dia 27 de outubro. Lembrando que GIULIA tem acumulado cada vez mais conquistas na sua carreira. Começou o ano sendo uma das 10 artistas mais assistidas no YOUTUBE PORTUGAL.

Além disso, as canções de GIULIA apresentam um crescimento permanente nas plataformas, com a conquista recente também do certificado de dupla platina para 'pessoa certa hora errada' em Portugal, single lançado em setembro de 2021 e que acumula à data mais de 26 milhões de streams só no Spotify.


Warner Music - Foto:D.R.