Buscar
  • Alvor FM

Encontro da Canção de Protesto apresenta 6 Espetáculos Musicais Inéditos



Grândola recebe entre os dias 10 e 12 de Setembro de 2020, uma nova edição do Encontro da Canção de Protesto, com um programa, composto por uma exposição produzida pelo Observatório da Canção de Protesto para o efeito, seis espectáculos musicais inéditos, três sessões testemunhais, uma de cinema documental cuja peça foi traduzida para o propósito, uma sessão de canto livre internacional e um colóquio, é dedicado ao hino A Internacional e às canções da Comuna de Paris bem como aos discos de José Afonso, José Mário Branco e Sérgio Godinho gravados em 1971 em Hérouville, no âmbito dos 150 e dos 50 anos que este ano se comemoram, respetivamente, sobre esses acontecimentos.


O espetáculo que marca o arranque do Encontro da Canção de Protesto, no dia 10 às 18h30 no Jardim 1º de maio é protagonizado pelo Coro da Casa da Achada - Centro Mário Dionísio intitulado Se toda a gente se juntar: textos e canções da Comuna de Paris.

Às 21h, no recinto do complexo desportivo municipal José Afonso, Sérgio Godinho, cantor, compositor, escritor, ator de teatro e cinema, irá proporcionar uma viagem musical pela sua profusa carreira, com a recriação de algumas canções que marcaram os discos Os sobreviventes e Pré-Histórias - gravados em 1971 e 1972, respetivamente, em França - e a interpretação de outras, mais ou menos recentes, poeticamente associadas ao conceito de exílio, no âmbito das comemorações dos 50 anos sobre a publicação do disco Romance de um dia na estrada e a gravação do disco